A festa Que Chocou a Minha Vida 2 ( A chácara)

Continuando de onde paramos: Depois de me despedirem, fui ao banheiro para me recuperar da situação. Enquanto eu estava saindo do banheiro, Maysa me encontrou e disse: – Já comi,.... The post A festa Que Chocou a Minha Vida 2 ( A chácara) first appeared on Contos Eróticos Bons. O post A festa Que Chocou a Minha Vida 2 ( A chácara) apareceu primeiro em Contos Eróticos Bons.

A festa Que Chocou a Minha Vida 2 ( A chácara)

Continuando de onde paramos:

Depois de me despedirem, fui ao banheiro para me recuperar da situação. Enquanto eu estava saindo do banheiro, Maysa me encontrou e disse: – Já comi, amor, gostaria de te mostrar um quarto que vi lá em cima.

Fui com ela para o quarto e, ao chegar lá, ela começou a me dar pau. Minha esposa colocou o pênis fora e começou a chupar com vontade, o que me deixou com muita dor de cabeça. Então, dei um dedo na xoxota dela e ela advertiu:

Não, eu quero no cu, quero sentir o seu pau me rasgando. Frase original: –

Enfiei o meu pau no cu dela devagar e logo fui aumentando as estocadas bem forte. Ela gritava masturbando o clítoris:

– Me fode!!! Eu quero Pau!

Eu a batizava de puta, sem vergonha, safada e vadia. Isso durou um tempo até que gozamos juntos. Fiquei triste e fomos embora da festa. Ela saiu bem alegre da festa e não percebeu o meu rosto.

As próximas duas semanas foram realizadas em casa devido ao período de final de ano repleto de tarefas. No entanto, minha mente não suportava a situação vivida durante a comemoração, desejava finalizar tudo ali. As circunstâncias do nosso casamento, filhos e situação financeira dificultavam cada vez mais jogar a merda fora.

As comemorações de fim de ano fizeram-me acalmar um pouco, logo fomos primeiro para a festa do meu emprego, onde tudo ocorreu de forma normal. A comemoração dela seria numa chácara ao anoitecer de sexta para sábado. Na sexta fomos para um lugar bem tranquilo no meio da mata. No local havia uma piscina, mesas de jogos como dominó e dadinho que podiam ser apostadas e diversos quartos.

Fizemos uma pausa na piscina e logo em seguida começamos a jogar, mas Maysa não era muito boa e acabou perdendo quatro golpes seguidos. Ela afirmou:

Vou comer algo, certo?

Eu respondi positivamente, já que Luiz não estava presente. Ela saiu com uma amiga para comer, então eu joguei e fui o vencedor, recebendo como recompensa uma caixa de chocolate cacau show. Recebi o prêmio e fui guardar no carro ao me aproximar do carro avistei uma discussão na casa de hospedes um pouco longe da casa principal e mais próxima do estacionamento. O homem estava de bermuda e a moça de biquini. Eu, que sou míope, fui até mais perto para observar. Luiz, o responsável, e minha esposa estavam discutindo. Minha esposa me disse:

Luiz, aquilo aconteceu uma única vez, eu sou casada e amo meu companheiro.

Luiz rebateu:

Por que você veio atrás de mim quando vi o meu carro?

Eliseu:

Não sei, fiquei receoso de que fizesse alguma coisa em frente ao meu marido.

Vou embora conversar com o meu marido.

Quando a viu saindo, Luiz a puxou pelo pescoço, encoxando-a e disse:

Por favor, observe-me novamente e observe meu pênis. Fico com vontade de te comer.

Assim, retirou o pau da bermuda, que estava meio bombada. Viu para trás e pegou na cabeça. Nesse momento o pau dele ficou duro, atravessando as pernas dela, e a cabeça dele apareceu do outro lado. Ele enfiou entre as pernas dela fazendo-a suspirar de prazer com movimentos frenéticos de vai vem por cerca de 1 minuto, nisso veio uma cena chocante, ela se abaixou e começou a mamar com muita vontade o pau dele e, do nada, pulou atracando as pernas na cintura dele quase que empalando a minha mulher. O tronco dele servia como suporte para ela se elevar como se estivesse em um balanço. Eles permaneceram nessa posição por alguns minutos. A mulher começou a gritar alto enquanto ele dizia:

Eu tinha consciência de que não resistiria ao meu pênis. Desejava enraizar-te no emprego, mas você estava fugindo constantemente. Agora você sairá ardente daqui. Depois dessas palavras, não há mais necessidade de continuar falando.

Não demorou muito e os dois ficaram exaustos, todos satisfeitos. Ela sorria abundantemente, um sorriso incontrolável. Ele percebeva isso e se sentia satisfeito com a foda bem feita. Assim sendo, eles retornaram à residência dos hóspedes para fumar um pouco mais.

Na residência de hóspedes, eles se dirigiram para o outro lado mais escondido e pouco conhecido da residência. Ele começou a acariciar a buceta dela dizendo que estava apaixonado por ela, a xoxota mais bonita que ele já viu. Assim sendo, ela começou a esfregar a buceta no rosto dele enquanto masturbava o pênis dele. Maysa parecia alucinada de desejo e pedia que ele metesse devagar na sua xana. Ele obedeceu como um cachorro metendo bem devagar na posição de frango assado, daí pra frente os movimentos foram aumentando aos poucos até que ficou rápido e dava para ouvir barulho da buceta molhada dela pedindo mais pica. Os gritos dela começaram a ficar bem ritmados e cada vez mais alto ” ai..ai, aí…ai,ai,ai…aiiiiiiiiii, esse pau é um pau dos deuses!!!! Tô gozando!!!

Ele não parava de bombear mesmo ela já gozando, ela estava com uma cara de de alívio e dizia :

– Goza dentro da minha buceta, enche de porra essa vadia que tá apaixonada no teu pauzão. Ai, caralho gostoso, não consigo mais viver sem esse pau

Luiz:

– Daqui pra frente essa buceta é só minha! Vou te comer toda , vadia. Adoro essa puta safada.

Minha esposa gozou muito forte, mas o Luiz ainda estava de pau duro, contudo, normalmente, a xoxota da minha esposa fica toda fechada após o orgasmo.

Eles começaram a conversar por algum tempo pelados, ela não parava de pegar no pau dele e ele no cuzinho dela juntamente do clitóris com cada mão. Então, ele gozou com essa brincadeira escorrendo só um pouco de gala. Luiz pediu para ela chupar o líquido escorrendo pelo pau dele, ela prontamente aceitou. Maysa deu um beijo nele e foi se vestir.

Saí de lá, peguei o carro, desliguei o celular e fui embora deixando-a lá. Cheguei em casa e dormi tentando apagar aquelas imagens da minha cabeça, o frio na barriga e o desencanto com o amor da minha vida.

The post A festa Que Chocou a Minha Vida 2 ( A chácara) first appeared on Contos Eróticos Bons.

O post A festa Que Chocou a Minha Vida 2 ( A chácara) apareceu primeiro em Contos Eróticos Bons.

Qual é a sua reação?

like

dislike

love

funny

angry

sad

wow